Para completa funcionalidade deste site é necessário habilitar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como habilitar o JavaScript no seu navegador.

Força-tarefa exclui participação de técnicos de meio ambiente

Decreto do governador Fernando Pimentel, publicado em 31 de março de 2015, criou uma força-tarefa com a finalidade de alterar o funcionamento do Sistema Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema). A medida foi questionada por ambientalistas com denúncias na imprensa. Mesmo sendo ligada diretamente ao Sistema de Meio Ambiente, a força-tarefa possui apenas um único representante da área, o secretário da pasta, e excluiu a participação direta de técnicos dos conselhos e dos comitês de bacias.

A criação da força-tarefa com um único representante da área ambiental, o secretário Sávio Souza Cruz, foi considerada, no mínimo, estranha pelo presidente do Fórum Nacional da Sociedade Civil nos Comitês de Bacias Hidrográficas (Fonasc), Gustavo Gazzinelli. Segundo ele, o Estado pode estar criando um instrumento com enorme poder decisório, sem a participação direta dos técnicos dos conselhos e comitês de bacia.

Imagem-1

Publicado em 26 de maio de 2015

No Comments Yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *