Para completa funcionalidade deste site é necessário habilitar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como habilitar o JavaScript no seu navegador.

Servidor fica sem atendimento médico

Os servidores que trabalham na Cidade Administrativa não contam mais com atendimento médico no local. O serviço de urgência e emergência voltado para o funcionalismo público, implantado na administração anterior, foi cortado pelo governo de Fernando Pimentel.

amalia2