Para completa funcionalidade deste site é necessário habilitar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como habilitar o JavaScript no seu navegador.

Caem recursos para a agricultura

Os gastos nos quatro primeiros meses de 2015 na agricultura foram muito reduzidos quando comparados com o mesmo período de 2014.

A situação mais crítica se verifica na Ruralminas, em que as despesas empenhadas neste primeiro quadrimestre de 2015 correspondem a míseros 4,13% do executado no mesmo período de 2014. Na Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), este percentual é de 50,5%; no Instituto Mineiro de Agropecuária, de 43,23%; na Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), de 26,65%, e na Emater, de 90,35%.

Fonte: SIAFI/MG |Obs: Excluídos os gastos com pagamento de pessoal (grupo 1) e os gastos com Despesas de Exercícios anteriores

Fonte: SIAFI/MG
Obs: Excluídos os gastos com pagamento de pessoal (grupo 1) e os gastos com Despesas de Exercícios anteriores

Quando se observa apenas as despesas de custeio, a situação é a mesma.

A situação mais crítica se verifica na Ruralminas, em que as despesas empenhadas no primeiro quadrimestre de 2015 correspondem a apenas 20,62% do executado no mesmo período de 2014; na Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), este percentual é de 62,75%; no Instituto Mineiro de Agropecuária, de 43,56%; na Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), de 31,72%, e na Emater, de 80,85%.

Fonte: SIAFI/MG Obs: Excluídos os gastos com Despesas de Exercícios anteriores

Fonte: SIAFI/MGObs: Excluídos os gastos com Despesas de Exercícios anteriores

Publicado em 26 de maio de 2015

No Comments Yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *